Por Simoní Machado Pimentel - 20/08/2020 às 13:49:19

Fundada em 1963 por um neozelandês chamado Bruce McLaren, a marca atualmente muito bem reconhecida pelos carros de desempenho impressionante, tem sua história iniciada com a primeira e única equipe a conquistar a Tríplice Coroa do automobilismo, vencendo os títulos da Fórmula 1, Indianápolis 500 e Le Mans. 

Bruce McLaren

A equipe de corrida McLaren iniciou sua trajetória competindo com o chamado M1B, carro oficial da equipe 1965, feito à mão por Robin Herd e Bruce, o fundador da equipe, que antes de criá-lo disputava suas corridas em um Austin Ulster, comprado por seu pai. O M1B recebeu uma pintura em vermelho distinto antes de ir para as pistas, cor que se tornou característica da marca até os dias atuais, e teve sua estréia no Grande Prêmio do Canadá, onde apesar de ter liderado por 96 voltas, a equipe precisou se contentar com o segundo lugar após uma batalha com Jim Hall.

M1B

Este foi o predecessor de diversos novos modelos pensados tanto para as pistas quanto para as ruas, preparados para entregar números e desempenho incríveis, que se tornaram a grande referência da marca. Dentre todos os modelos produzidos alguns obtiveram destaque:

  • 1967: M6A - Can-Am
  • 1968: M7A - Fórmula 1
  • 1969: M6GT - Road Car
  • 1971 a 1976: M16 - Indy car
  • 1981: MP4/1 - Fórmula 1
  • 1988: MP4/4 - Fórmula 1
  • 1993 a 1998: F1 - Road Car
  • 1995: F1 GTR - Road Car
  • 2009 a 2014: 12C - Road Car
  • 2013: P1 - Road Car
  • 2014: 650S - Road Car
  • 2015: 675LT - Road Car
  • 2015: 570S - Road Car
  • 2015: 540C - Road Car
  • 2016: 570 GT - Road Car
  • 2017: 720S - Road Car
  • 2017: 570S Spider - Road Car
  • 2017: Senna - Road Car
  • 2018: 600LT - Road Car
  • 2018: 720S Spider - Road Car
  • 2018: Speedtail - Road Car
  • 2019: 600LT Spider - Road Car
  • 2019: Novo GT - Grand Tourer

A partir de 2010 a McLaren Automotive substituiu a McLaren Cars, responsável pelo desenvolvimento do modelo F1, com o objetivo de focar na produção de modelos para as ruas, tendo como seu primeiro lançamento o modelo P1, apresentado no Salão do Automóvel de Paris em 2012, com 375 unidades produzidas em série apenas em 2013. 

McLaren P1

Assim como a ousadia apresentada nos números que retratam o desenvolvimento e potência das máquinas produzidas, a McLaren possui uma filosofia de design baseada em assumir riscos e expandir limites, utilizando não apenas a tecnologia mas também a intuição em suas criações. Arte, cultura e indústria são alguns dos elementos claramente presentes através de cores e materiais, que somados a características como o uso da fibra de carbono, potência híbrida e direção do freio, a classificam como uma das montadoras mais inovadoras do mercado automobilístico atual.

McLaren GT 2020